Reprodução/Coronel Armando
Reprodução/Coronel Armando

Deputado que encontrou Bolsonaro sem máscara está com covid

Coronel Armando (PSL-SC) foi diagnosticado um dia depois de recepcionar o presidente da República em São Francisco do Sul

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de dezembro de 2021 | 08h38

Um dia após recepcionar o presidente Jair Bolsonaro (PL) em São Francisco do Sul, em Santa Catarina, o deputado federal Coronel Armando (PSL-SC) informou que está com covid-19. O parlamentar recebeu o chefe do Executivo na segunda-feira, 27, e ambos posaram sem máscara para uma foto. Armando diz ter alertado o presidente sobre seu diagnóstico.

“Por prevenção e responsabilidade, mandei mensagem ao presidente Jair Bolsonaro, uma vez que o recebi ontem em São Francisco e tivemos um breve contato", comunicou o deputado. Ele também alega ter conversado com o chefe de Gabinete do presidente e com o médico da equipe presidencial sobre o assunto.

Bolsonaro deve passar o réveillon de férias em Santa Catarina. Em vídeo publicado nas redes sociais, o presidente aparece sem máscara em meio a uma aglomeração de apoiadores. O mandatário tem sido criticado por tirar férias em meio à crise de temporais na Bahia.

Bolsonaro teve covid em 2020. Na época, o mandatário informou que teve sintomas leves, como febre e cansaço. Este ano, fez declarações negando ter tomado a vacina contra a doença. O presidente reiterou que não pretende se vacinar; para participar da posse de André Mendonça como ministro no Supremo Tribunal Federal, por exemplo, teve de apresentar um teste negativo para covid no lugar do comprovante de vacinação.

Em entrevista nesta quarta-feira, o ministro Marcelo Queiroga, da Saúde, disse que Bolsonaro está "ótimo" e minimizou o encontro com o deputado. "Contato com pessoas que têm covid, todos nós temos", afirmou, alegando ter conversado hoje com o mandatário.  

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.