Deputada protocola pedido para saída de relator que 'se lixa'

Solange Amaral fez pedido ao Conselho de Ética e diz que Moraes não tem condição de relatar caso do castelo

Luciana Nunes Leal, de O Estado de S. Paulo,

11 de maio de 2009 | 15h52

A deputada Solange Amaral (DEM-RJ) protocolou nesta segunda-feira, 11, no Conselho de Ética da Câmara requerimento em que pede a substituição do relator do processo contra o ex-corregedor Edmar Moreira (sem partido-MG). Solange argumentou que o deputado Sérgio Moraes (PTB-RS) não tem condições de continuar na relatoria, porque emitiu julgamento antecipado do caso ao afirmar que não via motivos para condenar Edmar Moreira. Moraes afirmou também que está se "lixando para a opinião pública".

 

Veja também:

som Ouça discurso no plenário da Câmara

especialPerfil: Quem é Edmar Moreira, dono do castelo

lista Todas as notícias sobre o caso Edmar Moreira 

 

"O mais importante é afastar o deputado da relatoria, porque ele estava pré-absolvendo. A Câmara não pode assisitir de braço cruzado a esse tipo de declaração", afirmou a deputada. Solange minimizou a dificuldade de se encontrar um novo relator. Três deputados já recusaram a relatoria. "Vai-se conseguir, vamos chegar a um bom termo", disse ela.

 

Sobre a decisão de Sérgio Moraes de recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra a destituição da relatoria, Solange disse que Moraes "pode alegar qualquer coisa", mas garantiu que o presidente do Conselho de Ética tem autonomia para trocar o relator. "É da prerrogativa do conselho escolher o relator de um processo e alterar, se for o caso", afirmou a deputada. Segundo Solange, o presidente do conselho, José Carlos Araújo (PR-BA), confirmou a decisão de substituir Sérgio Moraes, o que acontecerá em reunião marcada para as 18 horas de amanhã.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.