Deposto há 54 anos, Jango recebe anistia

A Comissão de Anistia do Ministério da Justiça decidiu ontem anistiar o ex-presidente João Goulart, deposto há 54 anos pela ditadura militar. A viúva de Goulart, Maria Teresa Goulart, receberá pensão mensal no valor de R$ 5.425 e uma indenização de R$ 100 mil. Jango, como era conhecido, foi eleito vice de Jânio Quadros em 1960. Teve os direitos políticos cassados por 10 anos e partiu para o exílio, onde morreu em 1976.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.