Depoimento de João Vaccari à CPI das ONGs é adiado

O depoimento do tesoureiro do PT e ex-presidente da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop), João Vaccari Neto, à CPI das ONGs, no Senado, foi adiado. Os líderes do PSDB e do DEM, respectivamente, os senadores Arthur Virgílio (AM) e José Agripino Maia (RN), solicitaram hoje a transferência da data em razão de compromissos em São Paulo.

ANA PAULA SCINOCCA, Agência Estado

13 de abril de 2010 | 16h04

Vaccari concordou com a solicitação e o presidente da CPI, senador Heráclito Fortes (DEM-PI), marcou novo depoimento no dia 4 de maio, às 10h. A intenção dos integrantes da CPI também foi forçar a vinda de Vaccari depois do depoimento do doleiro Lucas Funaro, que deverá ser ouvido no dia 28 deste mês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.