Depoimento de Dantas dura 5 horas em SP

O sócio-fundador do Grupo Opportunity, Daniel Dantas, prestou hoje depoimento de cinco horas ao juiz da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo, Fausto De Sanctis. A audiência começou às 14h50 e só terminou às 20 horas. A assessoria de imprensa da Justiça Federal não confirmou se Dantas permaneceu calado, seguindo a orientação que seu advogado, Nélio Machado, antecipara à imprensa antes do depoimento, ou se respondeu às perguntas do juiz. De Sanctis comandou a audiência ao lado do procurador da República Rodrigo de Grandis. Depois de Dantas, o juiz ouve agora Humberto Braz, ex-presidente da Brasil Telecom, e em seguida - se os depoimentos não forem suspensos pelo juiz - será a vez do lobista Hugo Chicaroni.Dantas, Braz e Chicaroni são réus em ação penal porque teria tentado subornar com R$ 1,18 milhão o delegado Victor Hugo Rodrigues, da Polícia Federal, em troca do arquivamento de inquérito sobre atividades do Opportunity.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.