Depoimento de Aparecido, suspenso, será retomado hoje

A presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Cartões Corporativos, senadora Marisa Serrano (PSDB-MS), suspendeu por volta das 18 horas o depoimento do ex-secretário de Controle Interno da Casa Civil, José Aparecido Pires, em função do início de votações no plenário do Senado. Ela informou que assim que forem concluídas as votações, o depoimento será retomado. Três parlamentares ainda estão inscritos para interrogar José Aparecido.Após o depoimento, os integrantes da CPI votarão requerimento de acareação entre Aparecido e o consultor legislativo do Senado André Fernandes, tendo em vista as várias contradições dos depoimentos dos dois. O relator da CPI, deputado Luiz Sérgio(PT-RJ), disse ser contrário à acareação. "Não acrescentaria nada a mais ao que assistimos hoje", justificou. Ele propôs que o relatório da Comissão trate apenas do objeto da investigação, que são as despesas realizadas com os cartões corporativos do governo. Luiz Sérgio disse que o vazamento de informações sobre gastos do governo Fernando Henrique Cardoso deve ser tratado pela Polícia Federal, que investiga o caso. "Esse é um fato correlato à CPI", sublinhou.A base governista tem maioria na CPI Mista dos Cartões Corporativos e, assim como ocorreu em requerimentos anteriores de parlamentares da oposição, deve derrubar o pedido de acareação entre Aparecido e André Fernandes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.