DEM quer ouvir funcionários exonerados

O líder do DEM, José Agripino Maia (RN), discutirá hoje com a bancada do partido a possibilidade de convidar os servidores exonerados de cargos de chefia da Receita Federal, ou os que pediram para sair, a prestarem depoimento no Senado. Agripino diz que os servidores podem dar informações sobre "uso político" da Receita Federal. Ele discutirá com os correligionários sobre o melhor foro para convocar os demissionários - Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) ou Comissão de Fiscalização e Controle (CMA).Na CCJ, o presidente é o senador Demóstenes Torres (DEM-GO), que, como oposicionista, poderia colaborar para aprovar o convite aos servidores. Nas outras duas comissões, entretanto, os presidentes são da base aliada e poderiam atrapalhar os planos da oposição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.