Defesa cria setor para segurança de grandes eventos

O ministro da Defesa, Celso Amorim, instituiu nesta terça-feira, 14, uma nova área dentro do Ministério da Defesa para tratar exclusivamente da segurança pública durante os grandes eventos que o País vai receber, como a Copa das Confederações neste ano, a Copa do Mundo de Futebol em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016. A Assessoria Especial para Grandes Eventos (AEGE) terá atuação até 31 de dezembro de 2016.

LUCI RIBEIRO, Agência Estado

14 de maio de 2013 | 09h17

A nova área deverá facilitar a coordenação das ações do Ministério da Defesa com os demais órgãos participantes dos grandes eventos e orientar a integração das ações de defesa e de segurança pública. Também irá cooperar com a Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça.

A Aege terá assessor-chefe, assessor-adjunto, quatro gerências, grupo de apoio administrativo e o Escritório de Ligação no Rio de Janeiro. A força de trabalho da Aege será composta por civis e militares nomeados, além de pessoal do Ministério da Defesa e de militares das Forças Armadas, designados para atender às tarefas a serem desenvolvidas em cada um dos grandes eventos. A portaria normativa que cria o novo departamento no Ministério da Defesa está publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
Defesasegurança públicaeventos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.