Declarações de Minc são 'bastante animadoras', diz Lobão

Novo ministro quer reduzir burocracia nos processos de licenciamento ambiental de obras de infra-estrutura

LEONARDO GOY, Agencia Estado

16 de maio de 2008 | 15h20

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, elogiou  nesta sexta-feira, 16, novo colega de ministério, Carlos Minc, que substituirá Marina Silva no Ministério do Meio Ambiente. "Não estive com ele ainda, mas li algumas declarações atribuídas a ele que são bastante animadoras, com a intenção de agilizar os licenciamentos", disse Lobão, referindo-se à entrevista dada por Minc em Paris.   Veja também: Minc ataca burocracia para licença ambiental Marina Silva culpa estagnação e pressão de governos Ex-ministra não foi consultada sobre Mangabeira Saiba quem é Carlos Minc, chamado para o lugar de Marina Do seringal ao ministério: a trajetória de Marina  Veja galeria de fotos da ministra no governo Antes de sair, Marina fez duras críticas aos biocombustíveis Veja os ministros que deixaram o governo Lula  Especial: Amazônia - Grandes reportagens  Minc afirma, na entrevista, que quer reduzir a burocracia nos processos de licenciamento ambiental de obras de infra-estrutura. "Agilizar é muito bom. As decisões ambientais têm que ser tomadas com rapidez", afirmou Lobão, que está em Lima, capital do Peru, com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para participar da V Cúpula de Chefes de Estado da América Latina, Caribe e União Européia.

Tudo o que sabemos sobre:
LobãoCarlos MincMeio Ambiente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.