Decisão sobre ACM e Arruda pode levar 15 dias, diz Jader

O presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA) informou que a decisão da Mesa do Senado, sobre se dá ou não início aos processo de cassação dos senadores José Roberto Arruda (sem partido-DF) e Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) poderá ser tomada em até 15 dias. Jader reconheceu, no entanto, que a Mesa poderá tomar a decisão em um prazo bem menor. O presidente do Senado disse que não haverá novas investigações, e nem novas oportunidades de defesa para os dois senadores, nesta etapa do processo. Ainda segundo Jader, se quiserem renunciar para escapar das penas acessórias à cassação - como a perda de direitos políticos - Arruda e ACM terão que fazê-lo antes da publicação da ata com a decisão da Mesa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.