Decisão de Marco Aurélio Mello deve ser divulgada às 16h

Texto, que mantém a prisão do governador José Arruda, está sendo redigido em seu gabinete

MARIÂNGELA GALLUCCI, Agencia Estado

12 Fevereiro 2010 | 13h36

O gabinete do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, informou nesta sexta-feira, 12, que a decisão sobre o pedido de soltura do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (ex-DEM), deve ser divulgada oficialmente por volta das 16 horas. O texto, que mantém a prisão do governador, está sendo redigido em seu gabinete.

 

Veja também:

link Um dos foragidos no caso Arruda se apresenta a PF; restam dois

linkReunião de Paulo Octávio com deputados distritais é cancelada

link OAB-DF vai pedir novo impeachment de Paulo Octavio

blog  Blog do Bosco: Arruda se licencia para evitar intervenção

especial Entenda a operação Caixa de Pandora

 

Embora a decisão não seja ainda oficial, a Associação dos Magistrados Brasileiros divulgou nota pública elogiando a decisão do ministro do STF, de negar pedido de habeas corpus.

 

"A Associação dos Magistrados Brasileiros, entidade que congrega todos os segmentos da magistratura nacional, contando com quase 14 mil filiados em todo país, vem a público elogiar a decisão do ministro Marco Aurélio de Mello de negar o pedido de habeas corpus ao governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda.

 

A AMB, como entidade defensora da ética, no exercício da função pública e com o combate à corrupção, reforça que decisões como essa fortalecem a jovem democracia brasileira e contribuem para o fim da impunidade no País." A nota é assinada pelo presidente da AMB, Mozart Valadares Pires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.