Amanda Perobelli/REUTERS e Dida Sampaio/ESTADÃO
Amanda Perobelli/REUTERS e Dida Sampaio/ESTADÃO

Datafolha: Lula tem 51% entre mais jovens; Bolsonaro é rejeitado por 62% no Nordeste

De acordo com a rodada mais recente do Datafolha, a disputa do voto evangélico é apertada na margem de erro, com vantagem para Jair Bolsonaro sobre Lula

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de março de 2022 | 10h09

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem preferência da maioria dos jovens entre 15 e 24 anos, segundo a última rodada da pesquisa Datafolha. No recorte por idade, o petista vence em todas as faixas etárias, mas tem maior vantagem - de 51% - entre os mais jovens. A menor é entre quem tem mais de 60 anos, de 39%. 

O presidente Jair Bolsonaro (PL) tem 22% da preferência na faixa etária de 16 a 24 anos. O grupo que mais apoia o atual chefe do Executivo é formado por quem tem mais de 45 anos, 29%. Ciro Gomes (PDT) e Sérgio Moro (Podemos) empatam na faixa mais jovem, com 6%, e têm dois pontos porcentuais de diferença em todas as outras, o que os mantêm em empate técnico pela margem de erro. 

Ainda de acordo com o levantamento, a vantagem de Lula sobre Bolsonaro chega a 35 pontos no Nordeste, região considerada o maior reduto eleitoral do petista, e que representa desafio para os demais presidenciáveis. Nesse conjunto de Estados, o provável candidato do PT à Presidência tem 55% das intenções de voto, e Bolsonaro, 20%. Ainda nessa região, 62% dos entrevistados disseram que não votariam no chefe o Planalto "de jeito nenhum". 

A menor distância é no Sul, onde Lula tem 39%, e Bolsonaro, 33%. 

A pesquisa mostra que Bolsonaro vence Lula entre os evangélicos, mas com uma vantagem apertada, por 37% a 34%. O petista sai à frente do atual chefe do Planalto entre os católicos, por 48% contra 23%. No quesito cor, o ex-presidente tem preferência da maioria dos negros, 52%, contra 18% do pré-candidato do PL. A menor distância é entre os brancos, de 37% ante 31%, com Lula vencendo. 

O Datafolha fez 2.556 entrevistas entre os dias 22 e 23 de março. A margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. O código de registro da pesquisa na Justiça Eleitoral é BR-08967/2022.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.