Datafolha: diferença entre Wagner e Souto cai 10 pontos

A pesquisa Datafolha para a disputa do governo da Bahia, divulgada na noite de hoje, mostra que a diferença entre Jaques Wagner (PT), candidato à reeleição, e o ex-governador Paulo Souto (DEM), seu principal adversário, caiu dez pontos porcentuais desde a sexta-feira, quando foi divulgado o último levantamento. Ainda assim, Wagner venceria a eleição em primeiro turno.

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

23 de setembro de 2010 | 20h34

O governador tem, de acordo com o Datafolha, 48% das intenções de voto, ante 53% da sondagem anterior. Já Souto subiu de 16% para 21%. Em terceiro lugar aparece o ex-ministro da Integração Nacional Geddel Vieira Lima (PMDB) com 12% - tinha 11% no levantamento anterior. Luiz Bassuma (PV) tem 2%, Marcos Mendes (PSOL), 1%.

Os outros dois candidatos, Sandro Santa Bárbara (PCB) e Professor Carlos (PSTU), tiveram menos de 1% das citações. Os indecisos somam 11% e 5% declaram pretender votar em branco ou anular o voto.

A sondagem, realizada com 1.100 eleitores em 43 municípios entre os dias 21 e 22, foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 31.421/2010. De acordo com o instituto, a margem de erro é de três pontos porcentuais, para mais ou para menos.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições 2010pesquisaDatafolhaBA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.