D. Eugênio Salles deve se aposentar este ano

No encerramento do 11º Encontro de Bispos, o arcebispo do Rio, cardeal dom Eugênio Salles, avisou que a próxima reunião anual será promovida por seu substituto. O cardeal acredita que até meados desse ano a Nunciatura tenha encaminhado ao papa João Paulo II a lista tríplice para a escolha do seu sucessor. Apesar de poder sugerir nomes para substituí-lo, essa não é a intenção de d. Eugênio. "Vou para o consistório (encontro de cardeais convocado pelo papa) na semana que vem, mas não levarei nomes. Ele (o papa) nunca me consultou sobre o assunto", afirmou. Sobre o possível substituto, d. Eugenio disse apenas que "será alguém que conhece a realidade do Rio". Cardeais se aposentam compulsoriamente ao completar 75 anos. Como é de praxe, dom Eugenio informou ao papa que havia chegado à idade limite em novembro de 1995, mas João Paulo II preferiu que o cardeal continuasse como arcebispo do Rio. Aos 80 anos, no entanto, os cardeais perdem o direito de voto caso seja necessário escolher novo papa e têm de deixar suas funções.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.