CUT quer acelerar pagamento de perdas do FGTS

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) quer fazerpressão políticapara acelerar o pagamento das perdas nas contas do Fundo de Garantia do Tempo deServiço (FGTS) nos planos Verão e Collor I.Os sindicalistas querem que o ConselhoCurador do Fundo aprove, em reunião marcada para o próximo dia 29, o pagamento, ematé 90 dias, de todos os trabalhadores com saldo a repor de até R$ 1.000,00, usando opatrimônio líquido do FGTS.A proposta foi protocolada nesta aegunda-feira na secretaria-executivado Conselho e será apresentada nesta terça ao ministro do Trabalho e do Emprego, FranciscoDornelles.O próprio fato de o presidente Fernando Henrique Cardoso já ter dito, pordiversas vezes, que há disposição em resolver logo a questão - pelo menos para quemtem saldos menores a receber - está sendo usado pela CUT para tentar uma articulaçãopara aprovar a proposta no Conselho. ?Seria demonstração de boa-fé do governo aprovaro voto para que fosse possível começar a pagar esses trabalhadores?, disse o assessorda CUT no Conselho Curador, André de Souza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.