Cúpula tucana confirma para hoje anúncio da candidatura

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, e o prefeito de São Paulo, José Serra, disseram que hoje o presidente do PSDB, Tasso Jereissati, falará sobre a candidatura tucana à presidência da República. Os três falaram rapidamente com a imprensa após ficarem pouco mais de quatro horas reunidos no apartamento de Jereissati, em um flat na zona sul de São Paulo. Questionados sobre o teor da reunião, esquivaram-se, incumbindo ao presidente do partido qualquer declaração. "Amanhã (hoje) o presidente Tasso vai dar as informações que todos estão ansiosos por receber", disse o governador mineiro, sem determinar horário ou local para o anúncio de Jereissati. "Esse é o entendimento, tivemos uma longa conversa e amanhã (hoje) o presidente Tasso dá todas as informações, conforme estava acordado", repetiu Aécio. "O presidente Tasso falará em nome de todos nós", insistiu Aécio antes de deixar o prédio, por volta da 1 hora da madrugada desta terça-feira. Fernando Henrique e José Serra foram mais econômicos nas palavras e repetiram o discurso de Aécio. "Amanhã (hoje) o presidente Tasso fala com vocês", limitou-se a dizer, sorridente, Fernando Henrique. "Depois do almoço, enfim, alguma hora do dia, o presidente falará à imprensa", disse Serra. A assessoria de Tasso Jereissati não soube informar o horário e local do anúncio da candidatura tucana, mas confirmou que cancelou toda a agenda do presidente do partido, que previa voltar a Brasília hoje pela manhã.

Agencia Estado,

14 de março de 2006 | 02h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.