Cúpula do PMDB debate crise com PT na casa de Temer

Depois de tentar despistar a imprensa ao anunciar o cancelamento da reunião marcada para as 11 horas na casa do presidente do Senado, José Sarney, a cúpula do PMDB está, neste momento, reunida no apartamento funcional do vice-presidente da República, Michel Temer. O encontro foi marcado para discutir a crise do partido com o PT, por causa da ocupação de cargos no segundo escalão.

ANDRÉA JUBÉ VIANNA, Agência Estado

04 de janeiro de 2011 | 13h23

Antes de chegar à reunião, Temer participou da posse do novo ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Moreira Franco, onde afirmou que as negociações em torno dos cargos do segundo escalão que envolvem atritos entre PT e PMDB estão suspensas. Dentre esses cargos estão a diretoria dos Correios e a diretoria da Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Tudo o que sabemos sobre:
PMDBcúpulareuniãoTemer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.