Cunhado de Collor é eleito procurador

O promotor Eduardo Tavares Mendes, concunhado do senador e ex-presidente Fernando Collor (PTB-AL), foi escolhido pelo governador Teotônio Vilela Filho (PSDB) para chefiar o Ministério Público de Alagoas, no biênio 2009/2010. Casado com a irmã da mulher de Collor, Tavares confirmou a "simpatia" que o ex-presidente nutria por sua escolha para o cargo. Com 89 votos na eleição do Ministério Público Estadual, ele encabeçou a lista tríplice apresentada ao governador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.