Cunha Lima que diz entendimento no PSDB se inclina para Alckmin

O governador da Paraíba, Cassio Cunha Lima defendeu hoje que a recusa do prefeito de São Paulo, José Serra de se submeter a uma consulta ampla dentro da legenda, para que seja escolhido o nome que irá disputar a corrida presidencial, tem feito com que o entendimento dentro do PSDB se incline para o governador paulista Geraldo Alckmin. Segundo ele, Serra tem dito há vários dias que não aceitaria a realização de prévias, enquanto Alckmin vem mantendo sua pré-candidatura. "Preservadas estas posições, nós teremos um desfecho ainda hoje, com o indicativo de que o governador Geraldo Alckmin tem chance de ser indicado pela recusa que o prefeito tem manifestado de não se submeter a uma ampliação da consulta partidária". Cunha Lima participa a partir das 15 horas de uma reunião com o presidente do PSDB, Senador Tasso Jereissati e outros Governadores do partido, para definir a corrida presidencial. Diversos jornalistas presentes no local chegaram a ocupar toda a entrada do Blue Tree, na zona Sul da capital paulista, o que fez com a administração do hotel pedisse que a imprensa se retirasse do local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.