Críticas mostram que Serra agiu certo, diz Pimenta

O ministro das Comunicações, Pimenta da Veiga, disse hoje que as críticas feitas hoje ao presidenciável tucano, José Serra, pelo pré-candidato do PPS à presidência da República, Ciro Gomes, mostram que o ex-ministro da Saúde agiu certo. "O Ciro é adversário de Serra e, como tal, tem que criticar o que ele (o tucano) faz de certo", afirmou Pimenta. Ciro Gomes disse hoje que José Serra está sendo irresponsável ao deixar o cargo de ministro da Saúde no momento em que a epidemia de dengue se alastra no País.Pimenta da Veiga disse que somente vai decidir na próxima semana se aceita coordenar a campanha do pré-candidato do PSDB à presidência da República, senador José Serra (SP). "Participar diretamente depende de conversas que teremos na semana que vem", disse Pimenta. Ele lembrou que já coordenou a campanha de Fernando Henrique Cardoso, em 1994, e disse que sabe da complexidade que existe nesta tarefa. E é sobre isso, segundo ele, que vai girar a conversa que ele terá na semana que vem. O ministro previu que Serra crescerá nas pesquisas por seus próprios méritos. Na opinião de Pimenta, o que aconteceu com o Ministério da Saúde nos quatro gestão de Serra "foi incrível" e, segundo ele, a pasta da Saúde atingiu uma dimensão que jamais teve. Ele fez essas declarações ao chegar ao Centro Cultural do Banco do Brasil, onde, dentro de instantes, Serra transmitirá o cargo de ministro da Saúde a seu sucessor, Barjas Negri.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.