Cresce em 21% total de eleitores brasileiros no exterior

Aumentou em 21,4% o número de brasileiros que vivem no exterior e podem votar nas eleições presidenciais do País. Levantamento da Justiça Eleitoral revela que, em 2007, 18.458 pessoas se cadastraram nas representações diplomáticas existentes em 94 países, elevando para 104.660 a quantidade de títulos em relação a 2006, o que representa 0,082% total do eleitorado brasileiro (127.464.143). Fora do País, a maior concentração é verificada nos Estados Unidos, onde há 35.875 votantes. Em seguida, aparecem Portugal (11.116), Itália (6.120), Japão (5.373), Alemanha (4.870) e Inglaterra (3.693). Na outra ponta da lista, Jamaica, Ucrânia e Vietnã registraram o menor número de eleitores: quatro em cada país. Entre abril e maio do ano passado, foram cancelados no exterior 4.889 títulos, boa parte deles de eleitores que não votaram nos três últimos pleitos - referendo das armas, em 2005, e dois turnos das últimas eleições gerais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.