Cresce consumo de álcool, avalia Funasa

O consumo de álcool é um fenômeno preocupante e crescente entre os índios do País, segundo o gerente do Projeto Vigisus II da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Carlos Coloma. Ele também alerta que o problema é de difícil solução. O combate ao alcoolismo, que afeta a maioria das etnias, é uma das prioridades do projeto, que integra o Programa de Saúde Mental da Funasa. Para serem eficazes, as intervenções contra o álcool são orientadas também pelos índios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.