CPMI dos cartões quer analisar gastos com cartão Ourocard

Administradora de cartões terá que entregar dados dobra gastos não-sigilosos com cartões corporativos

Agência Senado,

01 de abril de 2008 | 12h53

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Cartões Corporativos aprovou nesta terça-feira, 1º, pedido de transferência de todos os documentos e informações da administradora de cartões de crédito Ourocard, do Banco do Brasil, relativos a gastos não-sigilosos feitos por titulares de cartões.  De acordo com a autora do requerimento, senadora Marisa Serrano (PSDB-MS), as informações deverão ser enviadas por meio eletrônico e com detalhamento necessário para permitir a análise dos dados.

Tudo o que sabemos sobre:
CPMI dos Cartões

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.