CPI dos Correios vota amanhã convocação de Duda e de Dimas

O presidente da CPI do Correios, senador Delcídio Amaral (PT-MS), informou que a comissão votará nesta quinta-feira o requerimentos para a reconvocação do publicitário Duda Mendonça e também o pedido de convocação do ex-diretor de Furnas, Dimas Toledo, apontado como um dos operadores do caixa 2 da campanha eleitoral de 2002 para o PSDB e PFL.A cúpula da CPI quer que Dimas Toledo preste depoimento à comissão na quarta-feira que vem. O depoimento de Duda Mendonça só ocorrerá quando integrantes a CPI analisarem os dados com a quebra do sigilo bancário das contas do publicitário no exterior, fornecidos por autoridades dos Estados Unidos."O PSDB e o PFL querem a todo custo que o Dimas venha. Já que todos querem, então vamos convocá-lo. Mas é claro que não vamos fazer grande coisa", disse o relator da CPI, Osmar Serraglio (PMDB-PR).Ele defende a tese de que as especulações em torno de Dimas Toledo sejam alvo de investigação de uma nova CPI, e não da CPI dos Correios. Serraglio argumenta que a CPI dos Correios está praticamente no final e não haverá tempo hábil para que ela investigue a fundo essa nova denúncia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.