CPI da Petrobras: oposição deve recorrer ao STF amanhã

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) informou hoje, em plenário, que amanhã ele irá protocolar no Supremo Tribunal Federal (STF) mandado de segurança para "garantir o direito das minorias", determinando a instalação da CPI da Petrobras. A ação, segundo ele, será assinada pelo PSDB e DEM. O requerimento de instalação da CPI da Petrobras foi protocolado na Mesa Diretora do Senado há mais de 50 dias. O mandado deverá ser protocolado às 10 horas.

NÉLIA MARQUEZ, Agencia Estado

08 de julho de 2009 | 18h58

A instalação da CPI já foi adiada por três vezes. Ontem, Dias apresentou à mesa do Senado requerimento pedindo a substituição de todos os integrantes da CPI da Petrobras. Segundo ele, esses integrantes da CPI se recusam a comparecer às sessões, impedindo a instalação da Comissão. A CPI da Petrobras é composta por 11 senadores e apenas três deles são da oposição.

Tudo o que sabemos sobre:
CPI da PetrobrasSTFPSDBDEM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.