Covas visita obras do CDHU no litoral

Exatamente às 13h50, o helicóptero Palácio Bandeirantes pousou no campo de futebol do São Vicente Atlético Clube, trazendo o governador licenciado do Estado de São Paulo, Mário Covas. No local, o prefeito de São Vicente, Márcio França (PSB) já o esperava para uma visita relâmpago à favela México 70, onde o então vice-governador Geraldo Alckmin, entregou, na última sexta-feira, 72 moradias construídas pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano. Foi um encontro emotivo do governador com os moradores do núcleo. De cadeira de rodas, Covas cumprimentou a população e recebeu o carinho de todos, sobretudo das crianças. "Essa é a obra social de maior importância de todo o meu governo, por isso fiz questão de vir aqui", disse, emocionado. Foram só 20 minutos de permanência na favela. De lá, o governador se dirigiu a Itapecirica da Serra e a Suzano, para visitar locais aonde não pôde ir semana passada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.