Costa ligou outros dois diretores da Petrobrás a esquema de corrupção, diz jornal

Ex-diretor da estatal disse que houve irregularidades diretoria de Serviços e na divisão Internacional durante os anos de 2004 e 2012

Danielle Chaves , O Estado de S. Paulo

20 de setembro de 2014 | 12h02

 SÃO PAULO - O ex-diretor da Petrobrás Paulo Roberto Costa ligou outros dois diretores da estatal a um esquema de corrupção, segundo informações publicadas pelo jornal Folha de S.Paulo. Costa disse em depoimentos à Polícia Federal que tem conhecimento de irregularidades na diretoria de Serviços e na divisão Internacional durante os anos de 2004 e 2012.

A diretoria de Serviços e Engenharia era ocupada por Renato Duque, indicado pelo PT, e a área Internacional estava sob responsabilidade de Nestor Cerveró, apoiado pelo PT e pelo PMDB, diz a reportagem. As informações obtidas pelo jornal indicam que Costa citou nominalmente os ex-colegas, mas não esclarecem se ele os incriminou diretamente. 

Tudo o que sabemos sobre:
Petrobráscorrupçãodiretores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.