Correção: Após pane, Lula voltará em avião oficial

A nota enviada anteriormente contém um erro no título. Segue o texto corrigido:

DENISE CHRISPIM MARIN, Agencia Estado

30 Outubro 2009 | 19h59

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva embarca nesta noite de volta a Brasília no avião oficial da Presidência da República. O Air Bus sofreu uma pane logo depois de aterrissar na pista de pouso de El Tigre, região a 460 quilômetros de Caracas, na Venezuela, mas já foi consertado. Por conta dessa pane, a Presidência cogitou em utilizar o avião reserva, o Boeing 737.

O avião reserva havia trazido parte de sua comitiva e a imprensa de Caracas a El Tigre, na manhã de hoje.

Esse foi o segundo incidente da visita de Lula e do presidente venezuelano Hugo Chávez a um projeto agrícola de plantação de soja, realizado em cooperação com a Embrapa. Depois de observarem a colheita da soja, Lula e Chávez reuniram-se em uma tenda improvisada. Ao saírem em direção ao local onde seria realizada a assinatura de 15 acordos bilaterais, foram surpreendidos por uma forte chuva e pelas consequências da tempestade, que destruiu toda estrutura de apoio ao evento.

Ainda assim, Chávez fez Lula caminhar duas vezes debaixo de chuva. Na primeira vez, até a tenda onde assinaram os acordos e, na segunda, até um busto do general brasileiro José Ignacio Abreu e Lima, patrono do projeto agrícola.

Mais conteúdo sobre:
LulaVenezuelaviagemavião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.