Correção

Diferentemente do que informou texto publicado na página A10 da edição de domingo, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) não foi acusado de ter contas pagas pela empreiteira Andrade Gutierrez. A empresa em questão era a Mendes Júnior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.