Corpo de modelo é levado ao IML

Quase sete dias após a queda do helicóptero do empresário João Paulo Diniz, o corpo da modelo Fernanda Vogel foi localizado hoje na Praia de Santiago, em São Sebastião, Litoral Norte. O corpo foi localizado às 7h45 por um bote do Corpo de Bombeiros, que vasculhava a área, a cerca de 11 quilômetros de onde ocorreu a queda. Fernanda foi localizada a cerca de 400 metros da praia. De acordo com os bombeiros, ela estava de bruços e apenas de calcinha e camiseta. O corpo estava inchado, principal característica da morte por afogamento, mas foi considerado em bom estado pelos bombeiros envolvidos na operação desde sexta-feira.Por volta das 8 horas, começou a movimentação de repórteres, policiais e curiosos na praia, a mesma em que foi encontrado o piloto Ronaldo Jorge Ribeiro, na terça-feira. Estiveram no local o chefe da Defesa Civil de São Sebastião, Luiz Figueiredo; o prefeito de São Sebastião, Paulo Julião (PSDB) e o delegado titular do 1º Distrito Policial da cidade, Odair Bruzos, que conduz o inquérito sobre o acidente.Às 9h30, o corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), para ser realizada a perícia. Ao contrário do piloto, que ficou mais de uma hora na praia aguardando remoção, a urna do IML foi levada até a lancha de resgate, no mar, e o corpo foi retirado imediatamente. Desde que o corpo do piloto apareceu, a cerca de um quilômetro de onde estava Fernanda, as buscas se concentraram na região das praias de Paúba e Santiago.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.