Conselho se reúne para avaliar processo contra Paulinho

Deputado é acusado de envolvimento no esquema de desvio de verbas do BNDES

Agência Câmara

30 de junho de 2008 | 17h15

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar terá reunião nesta quarta-feira, 2, para iniciar a fase de produção de provas para o processo contra o deputado  Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), o Paulinho da Força. Na reunião, os parlamentares vão organizar um calendário de trabalho para analisar a defesa do deputado, ouvir depoimentos e levantar provas para o relatório do deputado Paulo Piau (PMDB-MG).   Veja também: Especial: Operação Santa Tereza   Paulo Pereira é acusado de envolvimento no esquema de desvio de verbas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), desvendado na operação Santa Tereza, da Polícia Federal. O parlamentar alega ser inocente e afirma que as acusações contra ele fazem parte de uma armação política.   Na semana passada, o deputado apresentou sua defesa, assinada também pelo seu advogado, Leonidas Scholz, com 274 páginas. Nela, o parlamentar apresenta o nome de quatro pessoas como testemunhas de defesa, mas os nomes não foram divulgados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.