Conselho recebe hoje perícia de documentos de Renan

A Polícia Federal entrega hoje de manhã ao Conselho de Ética do Senado o resultado da perícia feita nos documentos entregues ao colegiado pelo presidente da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL). Nestes documentos ele tentou comprovar rendimentos suficientes para pagar suas despesas pessoais, o que, segundo o senador, desqualificaria a acusação de que teria usado dinheiro de um lobista da empreiteira Mendes Júnior para pagar pensão a uma filha.O Conselho havia anunciado o adiamento da audiência de entrega do resultado pela PF, porque esta teria que analisar outros documentos, enviados pelo Governo de Alagoas. Mas a PF acabou confirmando que, apesar de ter recebido esses novos papéis, fará hoje a entrega do resultado ao presidente do Conselho, senador Leomar Quintanilha.Quintanilha informou ontem que, após dar conhecimento da perícia às partes envolvidas no processo, abrirá um prazo de cinco dias para manifestações de Calheiros ou do PSOL - partido autor da representação contra o senador. Quintanilha lembrou que o presidente do Senado poderá, se desejar, falar ao Conselho de Ética ou apenas aos três relatores encarregados do seu processo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.