Conselho discute hoje processo contra irmão de Renan

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar se reúne hoje para decidir sobre a possibilidade de prorrogação, por 90 dias, do processo por quebra de decoro contra o deputado Olavo Calheiros (PMDB-AL). O requerimento para prorrogar o processo foi apresentado pelo presidente do conselho, deputado Ricardo Izar (PTB-SP), informou a Agência Câmara. O conselho apura a suposta participação de Olavo Calheiros em fraudes em licitações públicas investigadas pela Polícia Federal na Operação Navalha. Na representação encaminhada pelo PSOL, o deputado também é citado como suspeito de tráfico de influência relacionado à venda de uma fábrica de refrigerantes à cervejaria Schincariol. Ele nega as acusações. A reunião do Conselho de Ética está marcada para começar às 15 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.