MARCOS DE PAULA/ESTADÃO
MARCOS DE PAULA/ESTADÃO

Congresso da Abraji debate colaboração e jornalismo global

Maior e mais tradicional evento do tipo na América Latina tem início nesta quinta-feira, 28, e vai até este sábado, 30

O Estado de S.Paulo

28 Junho 2018 | 05h00

A colaboração no jornalismo é um dos temas centrais do 13.º congresso da Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo), maior e mais tradicional evento do tipo na América Latina, que tem início nesta quinta-feira, 28, e vai até este sábado, 30.

Participarão dos debates e cursos mais de cem palestrantes, nove deles internacionais, vindos de países como Venezuela e Estados Unidos. Zuenir Ventura, um dos maiores repórteres brasileiros, autor dos livros 1968: O Ano que não Terminou (1998) e Cidade Partida (1994), será homenageado durante o congresso.

Entre os convidados internacionais estão o venezuelano Joseph Poliszuk, que contará sua experiência sobre o jornalismo no exílio, a editora investigativa do IDL-Reporteros (Peru), Romina Mella, a jornalista de dados e fundadora do peruano Convoca, Milagros Salazar, o diretor de Segurança Global do BuzzFeed, Jason Reich, o professor da Universidade de Exeter (Reino Unido) e especialista em fact checking Jason Reifler, e a repórter investigativa Marisa Kwiatkowski, do The Indianapolis Star. O congresso será encerrado com uma palestra de Stephen Engelberg, editor-chefe da ProPublica, veículo sem fins lucrativos que trabalha em pautas de interesse público nos Estados Unidos.

+++Projeto Comprova vai combater fake news nas eleições 2018

Será a primeira vez que os consórcios de jornalistas latino-americanos Investiga Lava Jato e a Red Estructurados, focados na cobertura da maior operação recente contra corrupção no Brasil, estarão lado a lado, trazendo suas experiências e mostrando como a colaboração transnacional pode fazer a diferença na cobertura de um tema tão complexo. Jornalistas do Estado também vão participar dos debates.

+++Vídeos falsos feitos com inteligência artificial podem ser danosos em campanhas eleitorais

Estarão em pauta ainda temas como cobertura da Amazônia, o crime organizado e seus diferentes aspectos, fake news e fact checking, o desafio de se proteger jornalistas em serviço, liberdade de expressão e diversidade nas redações, entre outros.

A grade completa pode ser vista no site do evento, e a inscrição pode ser feita no local (campus Vila Olímpia da Universidade Anhembi Morumbi, rua Casa do Ator, 275).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.