Confirmada primeira morte por dengue hemorrágica em SP

A Secretaria Estadual da Saúde confirmou o primeiro caso de morte por dengue hemorrágica ocorrido neste ano em São Paulo. Eliete Sampaio, de 32 anos, morreu no último dia 4 e desde então havia a suspeita sobre a causa da morte ser dengue hemorrágica. A informação foi confirmada no fim da tarde de ontem. Os exames que possibilitaram a conclusão foram realizados pelo Instituto Médico Legal.Segundo a assessoria de imprensa da secretaria, Eliete sentiu os sintomas da doença após chegar do Rio de Janeiro, onde foi contaminada. Há um segundo caso suspeito que está sendo investigado pela secretaria. Trata-se de um jovem, cuja idade não foi divulgada, e que morreu dias após a morte de Eliete. Ontem, no Rio, foi confirmada a 8ª morte por dengue hemorrágica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.