Compadre de Lula entra com nova ação contra o jornal Estado

O advogado Roberto Teixeira entrou com nova ação pedindo reparação por danos morais contra o Estado e o economista e ex-militante do PT Paulo de Tarso Venceslau.A nova briga de Teixeira com o jornal começou no ano passado, mas, até agora, todos os pedidos de liminar do advogado foram negados. Em um dos pedidos, Teixeira queria que o jornal fosse proibido de se referir a ele somente como compadre do presidente Lula.Desta vez, o motivo não é diferente. Roberto Teixeira afirma que teve sua honra ofendida em reportagem publicada no jornal em janeiro deste ano. O texto apresentou declarações do economista em depoimento prestado no Congresso Nacional.Na ação, o advogado afirma que o jornal e o economista manifestaram ?animosidade? em relação a ele por diversas vezes, ?publicando e fazendo publicar notícias e informações mendazes e com o objetivo exclusivo de macular a honra e a imagem? de Teixeira. Por isso, pede que ambos sejam condenados a pagar indenização por danos morais e que O Estado de S. Paulo tenha de publicar a condenação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.