Comissão rejeita convocação de Dilma para explicar dossiê

Bancada governista comparece em peso à sessão para rejeitar os requerimentos feitos pela oposição

Cida Fontes, de O Estado de S. Paulo,

22 de abril de 2008 | 12h10

A Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) rejeitou requerimento de convocação da ministra Casa Civil, Dilma Rousseff, para falar sobre o suposto dossiê com os gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.  Veja também:Entenda a crise dos cartões corporativos  Oposição fura o cerco e Dilma terá de explicar dossiê no SenadoDossiê FHC: o que dizem governo e oposiçãoPF pede a governo dados sobre segurança da Casa CivilPF abre inquérito para apurar vazamento de dados de FHCDossiê com dados do ex-presidente FHC   A comissão rejeitou também outro requerimento, que convidava o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, para falar sobre consultoria fiscal realizada nos partidos políticos e o levantamento de dados fiscais sigilosos do PSDB. Ambos os requerimentos eram do senador Arthur Virgílio (PSDB-AM).  Desta vez a bancada governista compareceu em peso para rejeitar os requerimentos e o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR) conseguiu inverter a pauta para que os dois pedidos fossem votados logo no início da sessão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.