Comissão importante da Câmara vai para deputado de 27 anos

A Câmara instalou e elegeu nesta quarta-feira os presidentes das 20 comissões permanentes, por onde passam os projetos antes de chegarem ao plenário para votação. Os cargos são distribuídos de acordo com o tamanho dos partidos. O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), considerada a mais importante da Casa porque por ela passam todos os projetos antes de serem votados, tomou posse já tentando rebater as críticas da indicação de seu nome para ao cargo. Ele é o deputado mais novo a assumir o cargo. Aos 27 anos e no exercício do segundo mandato, Picciani chegou à comissão por meio de um acordo feito na bancada do PMDB. O Rio é o Estado com maior número de deputados peemedebistas e, por essa razão, deve indicar o presidente da CCJ. Com o apoio do governador Sérgio Cabral, o indicado foi Picciani. Filho do presidente da Assembléia Legislativa do Rio, Jorge Picciani (PMDB), que foi processado por suspeita de trabalho escravo em sua fazenda, Leonardo Picciani busca se distanciar dos problemas do pai, na atuação parlamentar. Bacharel em Direito, mas sem experiência na área jurídica, promete "um grande mutirão" para discutir projetos de combate à violência na comissão. Confira a seguir os nomes dos parlamentares eleitos nesta quarta: 1. Comissão de Constituição e Justiça: Leonardo Picciani (PMDB-RJ) 2. Comissão de Educação e Cultura: Gastão Vieira (PMDB-MA) 3. Comissão de Viação e Transportes: Eliseu Padilha (PMDB-RS) 4. Comissão de Finanças e Tributação: Virgílio Guimarães (PT-MG) 5. Comissão de Desenvolvimento Urbano: Zezéu Ribeiro (PT-BA) 6. Comissão de Direitos Humanos: Luiz Couto (PT-PB) 7. Comissão de Ciência e Tecnologia: Júlio Semeghini (PSDB-SP) 8. Comissão de Meio Ambiente: Nilson Pinto (PSDB-PA) 9. Comissão de Segurança Pública: João Campos (PSDB-GO) 10. Comissão de Minas e Energia: José Otávio Germano (PP-RS) 11. Comissão de Fiscalização Financeira e Controle: Celso Russomano (PP-SP) 12. Comissão de Agricultura: Marcos Montes (PFL-MG) 13. Comissão de Seguridade Social: Jorge Tadeu Mudalen (PFL-SP) 14. Comissão de Turismo: Lídice da Mata (PSB-BA) 15. Comissão da Amazônia: Vanessa Graziotin (PCdoB-AM) 16. Comissão de Trabalho: Nelson Marquezelli (PTB-SP) 17. Comissão de Relações Exteriores: Vieira da Cunha (PDT-RS) 18. Comissão de Defesa do Consumidor: Cezar Silvestri (PPS-PR) 19. Comissão de Desenvolvimento Econômico: Wellington Fagundes (PR-MT) 20. Comissão de Legislação Participativa: Eduardo Amorim (PSC-SE) Colaborou Denise Madueño

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.