Comissão especial fará pente-fino em pareceres da ANA

Presidente Dilma Rousseff pediu fiscalização em assuntos relacionados às áreas de atuação de servidores presos ou intimados pela Justiça na Operação Porto Seguro

Débora Álvares,

27 de novembro de 2012 | 12h47

BRASÍLIA - A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, instaurou uma comissão especial para fazer um "pente-fino" nos pareceres da Agência Nacional de Água (ANA). A fiscalização foi determinada pela presidente Dilma Rousseff também na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e na Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), especialmente em assuntos relacionados às áreas de atuação de servidores presos ou intimados pela Justiça na Operação Porto Seguro da Polícia Federal.

Segundo Izabella, no que se refere à ANA, o pente fino não deve encontrar irregularidades. "O diretor (Paulo Vieira) não tinha ingerências nos processos finalísticos da agência. A área dele cuidava de atividades técnicas e dependia de toda a equipe para dar posições", destacou a ministra na manhã de hoje, afirmando que vai aguardar as investigações para tomar as atitudes que considere necessárias a partir dos resultados.

Segundo a Polícia Federal, Paulo Vieira, que ocupava a Diretoria de Hidrologia da Agência Nacional de Águas, era o chefe da quadrilha que comprava relatórios técnicos de funcionários públicos para favorecer empresas privadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.