Comissão de Ética do PR recomenda punição de Mabel

A Comissão de Ética do PR decidiu recomendar ao partido a suspensão das atividades partidárias do deputado federal e ex-líder Sandro Mabel (GO) e a dissolução do PR do Estado de Goiás. Se o partido acatar a sugestão, Mabel não perderá o mandato, mas não poderá exercer nenhuma atividade partidária na Câmara, como relatar projetos e presidir comissões.

JOÃO DOMINGOS, Agência Estado

10 de fevereiro de 2011 | 16h46

A recomendação da punição, discutida hoje em reunião extraordinária da Comissão, se deve pelo fato de o deputado ter se candidatado à presidência da Câmara dos Deputados no início desta legislatura, desobedecendo à orientação do partido de apoiar o candidato petista Marco Maia (PT-RS).

Tudo o que sabemos sobre:
puniçãosuspensãoMabelPR

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.