Comissão de Educação do Senado aprova flexibilização da 'Voz do Brasil'

Texto segue para votação em plenário antes de voltar para uma segunda rodada de votação na Câmara dos Deputados

Carol Pires/BRASÍLIA, Estadão.com.br

23 de novembro de 2010 | 16h34

missão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou nesta terça-feira, 23, o projeto de lei que flexibiliza a transmissão do programa “Voz do Brasil”. Pela proposta, o programa poderá ser exibido – sem cortes – entre as 19 e 22 horas. O texto segue para votação em plenário antes de voltar para uma segunda rodada de votação na Câmara dos Deputados.

 

Hoje, o programa é transmitido entre as 19h e 20h por todas as emissoras de rádio. A maior reclamação das rádios é que a audiência cai muito quando a programação é interrompida para transmitir a Voz do Brasil.

 

Pelas alterações feitas pelo Senado, as rádios deverão informar aos ouvintes, às 19h, o novo horário de transmissão da Voz do Brasil. Apenas as rádios educativas não poderão alterar o horário do programa.

 

Os senadores também incluíram emenda ao projeto para que rádios ligadas aos poderes Executivo e Legislativo, como a Rádio Senado e a Rádio Câmara, poderão flexibilizar o horário quando estiver havendo sessão plenária.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.