Arquivo Nacional
Arquivo Nacional

Comissão da Verdade reabre caso da morte de guerrilheiro em 1972

Ruy Carlos Vieira Berbert foi morto aos 24 anos na cadeia pública de Natividade, atual Tocantins

Leonêncio Nossa,

09 de julho de 2012 | 17h42

BRASÍLIA - Em decisão confirmada nesta segunda-feira, 9, a Comissão da Verdade reabrirá o caso da morte do guerrilheiro Ruy Carlos Vieira Berbert, morto aos 24 anos, em janeiro de 1972, na cadeia pública de Natividade, município que atualmente pertence do Estado do Tocantins. É o primeiro caso reaberto pelo grupo instalado em maio pela presidente Dilma Rousseff.

 

Veja também:

linkFotos comprovam que morte foi omitida por 20 anos

linkMédico local se negou a fazer autópsia do corpo

link'Fizemos um enterro simbólico', conta irmã

 

No último sábado, o Estado divulgou fotografias inéditas do corpo de Berbert que estavam guardadas no Arquivo Nacional. A assessoria da Comissão da Verdade relatou que o grupo debateu hoje as providências a serem tomadas nesse caso. Os integrantes da comissão avaliaram que era necessário investigar a história para saber as reais circunstâncias da morte de Berbert.

Detalhes das providências a serem tomadas sobre a morte do guerrilheiro serão discutidos nos próximos encontros da Comissão da Verdade. O grupo ainda receberá papéis e documentos da comissão sobre mortos e desaparecidos da Secretaria de Direitos Humanos relativos ao caso.

A Comissão da Verdade ainda está reunida no Centro Cultural Banco do Brasil, na capital federal. O grupo também discutiu o aparelho de repressão e centros de tortura no governo militar. Os integrantes do grupo ainda assistiram a uma apresentação da historiadora Heloísa Starling, da Universidade Federal de Minas Gerais, que fez um levantamento sobre operações militares na região do Araguaia, onde ocorreu a guerrilha do PCdoB.

A Comissão ainda colocou hoje em debate a série de reuniões que terá com setores da sociedade civil, em agosto, no Rio de Janeiro e São Paulo; e em setembro, no Recife. Está previsto também um encontro no dia 30 de julho em Brasília com integrantes das Comissões da Verdade instaladas em Estados e municípios.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.