Carmem Pompeu/Divulgação
Carmem Pompeu/Divulgação

Com uma hora de atraso, Rui Costa toma posse na Bahia

Após cerimônia na Assembleia Legislativa, ex-governador Jaques Wagner (PT) faz a transmissão simbólica do cargo ao afilhado

TIAGO DÉCIMO, Especial para o Estado

01 de janeiro de 2015 | 10h34

SALVADOR – Inicialmente prevista para as 8 horas (9 horas de Brasília), a cerimônia de posse do governador da Bahia, Rui Costa (PT), na Assembleia Legislativa começou uma hora mais tarde. Costa chegou ao local às 8h55 e foi recebido pelo presidente da Casa, Marcelo Nilo. No local, o governador e seu vice, João Leão (PP), assinarão o termo de posse. Em seguida, Costa fará o primeiro discurso como novo chefe do Executivo estadual. 

Depois, já empossado, o governador segue para a frente do prédio da Governadoria, onde foi montada uma estrutura para que o agora ex-governador Jaques Wagner (PT) faça a transmissão simbólica do cargo ao afilhado político. 

Costa e Wagner seguem, após as cerimônias em Salvador, para Brasília, onde participam da posse da presidente Dilma Rousseff. Wagner também assume, na tarde de hoje, o comando do ministério da Defesa.

Tudo o que sabemos sobre:
Posse 2015BahiaRui Costa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.