Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Com posse, Congresso tem dia de selfies e excursões

Parlamentares que tomaram posse mostram os corredores da Câmara a mulheres, filhos e amigos

Lígia Formenti, Camila Turtelli e Mariana Haubert, O Estado de S.Paulo

01 de fevereiro de 2019 | 21h53

BRASÍLIA - Foi um dia de negociações, selfies e excursões pelos corredores do Congresso. Deputados que tomaram posse nesta sexta-feira, 1.º, – 52% deles em seu primeiro mandato – dividiram a agenda do dia com visitas aos novos gabinetes e ao plenário da Câmara para mostrá-los a familiares e amigos. Ainda na cerimônia de posse, era possível ver um número considerável de crianças, vestidas com roupas de festa – parte delas entediada –, acompanhando dos bancos reservados aos deputados a sessão solene em que os 513 parlamentares fizeram o juramento de respeitar a Constituição. 

O deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) seguiu a onda e desembarcou no Congresso trazendo no colo Rodrigo, de 3 anos. Sua mulher, Patrícia Maia, vinha com Felipe, de 1 ano. Um clima que lembrava a condição de candidato à reeleição que ele ainda mantinha até o fim da tarde. Horas depois, ele disputaria novamente a presidência da Câmara dos Deputados e seria reeleito com em primeiro turno com 334 votos.

O clima de “já ganhou” de Maia estava claro ainda no início do dia. “Estou preparado para vencer”, disse ele, antes de entrar no Congresso. Mas, mesmo achando que a vitória estava próxima, Maia passou o dia todo em reuniões para convencer os colegas. Como parte da campanha, contratou propagandistas e os posicionou em um dos corredores mais movimentados do Congresso para distribuir adesivos com seu nome.

Seus adversários fizeram o mesmo. No fim do dia, havia uma espécie de “corredor polonês” em que pessoas contratadas cantavam palavras de ordem em nome de um ou outro candidato a presidente da Câmara. 

Atual composição da Câmara tem 77 mulheres, ante 51 da antiga legislatura 

Além do maior número de deputados novatos, a atual composição da Câmara tem mais mulheres. São 77, ante 51 na legislatura passada. Entre as mulheres e novatas na Casa, estava Paula Belmonte (PPS-DF), que foi acompanhada do marido, Felipe Belmonte, suplente de senador, e com o filho Luís Arthur no colo. 

Também eleito para o primeiro mandato na Casa, o deputado Túlio Gadelha (PDT-PE) levou a namorada, a apresentadora Fátima Bernardes – o casal recebeu vários pedidos de selfie. Em uma rede social, o deputado comemorou a trajetória política publicando uma foto dos dias no Congresso. 

Era evidente a preocupação de alguns deputados e familiares com o figurino. Não faltou salto alto, vestidos de renda e cetim, além de fardas do Exército, chapéus de palha e roupas de populações indígenas. Com um vestido azul, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) facilmente se destacava na Câmara. Ao perceber o esquecimento, a deputada pediu que um assessor trouxesse um anel de diamante champanhe, que ganhou do marido e chamou de “Posse”. 

Outro deputado estreante era o ator Alexandre Frota, do mesmo partido de Joice. Ele chegou cedo à Câmara e dedicou boa parte do dia para circular e tirar fotos com colegas e até mesmo com adversários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.