Com nova ministra, presidente do Ibama deixa o cargo

O presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Roberto Messias Franco, pediu demissão do cargo e sua exoneração foi confirmada hoje pelo Diário Oficial da União. Segundo a assessoria de imprensa do Ibama, Messias deixou o cargo por considerar um processo natural quando a pasta a que o Instituto é subordinado, no caso o Ministério do Meio Ambiente, tem um novo ministro.

SANDRA MANFRINI, Agência Estado

06 de abril de 2010 | 20h27

O diretor de Planejamento, Administração e Logística do Ibama, Abelardo Bayma de Azevedo, ficará à frente do cargo como presidente substituto. Também deixaram o Ibama o diretor de Uso Sustentável da Biodiversidade e Florestas, José Humberto Chaves; e a diretora de Qualidade Ambiental, Sandra Regina Klosovski.

Messias exerceu o cargo de presidente do Ibama durante a gestão do ex-ministro Carlos Minc, que deixou o governo no dia 31 de março para disputar as eleições de outubro. O Ministério está agora sob o comando de Izabella Teixeira.

Durante sua gestão, Messias recebeu diversas críticas até mesmo de setores do governo pela demora nos processos de licenciamento ambiental.

Tudo o que sabemos sobre:
ministrostrocaIbamapresidência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.