Collor lidera pesquisa para governo de Alagoas

Segundo instituto Ibrape, senador tem 38%, contra 26% de Ronaldo Lessa e 21% de Teotônio Vilela Filho

Ricardo Rodrigues, especial para o Estado / MACEIÓ,

27 Julho 2010 | 19h35

O senador Fernando Collor de Mello (PTB) lidera a primeira pesquisa de intenção de voto para o governo de Alagoas nas eleições deste ano. Segundo o Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino (Ibrape), Collor tem 38% da preferência do eleitorado. Em segundo lugar aparece o ex-governador Ronaldo Lessa (PDT), com 26%. Na terceira colocação, com 21%, aparece o atual governador, Teotonio Vilela Filho (PSDB).

 

Especial: eleições nos Estados

 

A pesquisa, registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL) sob o número 7322/2010, foi realizada entre os dias 9 e 13 de julho, na capital e interior do Estado, encomendada pelo PMDB. Duas mil pessoas foram entrevistadas em 45 municípios alagoanos, com margem de erro de três pontos percentuais (para mais ou para menos). Com isso, Lessa e Vilela estariam tecnicamente empatados.

 

O resultado da pesquisa foi divulgado no final desta terça-feira, 27, pela imprensa local. De acordo com os números do Ibrape, o candidato Mário Agra (PSOL) alcançou apenas 1% da preferência do eleitorado. Já os candidatos Jefferson Piones (PRTB) e Tony Cloves (PCB) não pontuaram na pesquisa. Os eleitores indecisos somaram 14% do total de entrevistados.

 

De acordo com o Ibrape, 14% do eleitorado pesquisado ainda está indeciso, ou vai votar em branco ou nulo.

 

Segundo turno

 

Na simulação de um possível segundo turno entre os candidatos Fernando Collor e Ronaldo Lessa, o ex-presidente leva vantagem. Collor aparece com 45% da intenção de voto, contra 38% do candidato do PDT. Já se a disputa for entre Collor e o atual governador de Alagoas, a pesquisa aponta que senador seria eleito com 46%, contra 34% de Vilela. Os candidatos ainda não comentaram a pesquisa.

 

Para presidente

 

O Ibrape também quis saber como o alagoano vai votar para Presidência da República. O candidato José Serra (PSDB) e a candidata Dilma Rousseff (PT) estão empatados tecnicamente. O tucano aparece com 41% e Dilma tem 37% da preferência. Marina Silva (PV) tem 6%. Outros candidatos, juntos, somam 1%. Brancos, nulos e indecisos são 15%. Em eventual 2º turno, Serra teria 44% dos votos em Alagoas. Dilma, 40%. Brancos, nulos e indecisos seriam 16%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.