Collor diz que vai dar sua versão sobre impeachment

O ex-presidente e senador Fernando Collor de Mello (PTB-AL) disse nesta quarta-feira que pretende apresentar sua versão sobre o processo de impeachment do qual foi alvo em 1992. "Nunca me foi dado o direito de oferecer a minha versão sobre o episódio", afirmou Collor em entrevista à Rádio Jovem Pan. O ex-presidente disse que, em seu primeiro discurso na tribuna do Senado, previsto para o fim de março, ele apresentará uma série de informações novas sobre o impeachment. "O tempo passa e vamos amadurecendo", afirmou. "O que mantenho acesa é a chama do ideal de trabalhar pelo País".Collor voltou a afirmar que pretende propor a implementação do parlamentarismo no Brasil. "Pretendo apresentar uma proposta ampla de reforma política", disse o ex-presidente. "E não podemos tratar da reforma política, sem que tratemos também da mudança de governo".Durante a entrevista, o senador atacou o presidencialismo classificando o regime como "a carroça do sistema político brasileiro". Collor tomou posse como senador no último dia 1º, em Brasília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.