Collor deixa partido que o elegeu e vai para o PTB

O presidente do PTRB, Levy Fidelix, anunciou nesta sexta-feira que o ex-presidente e senador eleito Fernando Collor de Melo deixará o partido e se filiará no PTB. Collor é o único parlamentar da sigla eleito para exercer mandato no Congresso. O PRTB não conseguiu eleger nenhum deputado federal. Fidelix contou que Collor se reuniu com ele para dizer que precisava de um partido maior. E disse ainda que o ex-presidente já havia defendido a fusão ou incorporação do PRTB com o PTB, mas que ele não havia concordado com isso. Demonstrando irritação com a decisão de Collor de deixar o partido, Fidelix disse que o ex-presidente quer fazer oposição ao governo se juntando com o presidente do PTB, o deputado cassado Roberto Jefferson (RJ). "Ele me usou, usou o partido, nossa boa-fé, nossa pequena estrutura para alçar o vôo de águia. Faltou a ele, no mínimo, elegância", disse. Fidelix afirmou ainda que o ex-presidente procurou um partido maior porque o objetivo dele é a eleição de 2010.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.