CNT: Dilma lidera intenção de voto espontânea com 16%

A presidente Dilma Rousseff lidera a intenção de voto espontânea para presidente da República , com 16%, segundo divulgou a Confederação Nacional do Transporte (CNT) em parceria com a MDA Pesquisa. Em seguida, aparece o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com 9,7% das intenções. Depois estão Marina Silva com 5,8%, Aécio Neves com 4,7%, Eduardo Campos com 1,6% e José Serra com 1%. Geraldo Alckmin e Joaquim Barbosa também apareceram nas respostas, ambos com 0,5% das intenções. O porcentual de pessoas que responderam outros nomes foi de 1,8% e 19,2% disseram que votarão branco ou nulo. A pesquisa foi feita em 135 municípios, de 31 de agosto até 4 de setembro.

LAÍS ALEGRETTI E EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 15h10

Na pesquisa estimulada, a intenção de votos para reeleger a presidente Dilma Rousseff aumentou de 33,4% em julho para 36,4% em setembro. Marina Silva aparece na segunda posição, com crescimento de 20,7% para 22,4% no mesmo período. Aécio Neves manteve em setembro o porcentual de 15,2% e Eduardo Campos caiu de 7,4% para 5,2%. Também houve redução no porcentual de pessoas que responderam que votariam branco ou nulo: de 17,9% para 14,9%. Outros 5,9% não responderam.

Questionados qual partido político querem ver na presidência a partir de 2015, a resposta mais comum, com 39,1%, foi de pessoas que disseram não saber ou não responderam. Na pesquisa espontânea, em que não são dadas alternativas às pessoas, 21,9% dos entrevistados responderam que querem o PT no Planalto. Em seguida, aparece o PSDB, com 4,5%. Depois estão o PMDB com 3,1%, o PSB com 1,4%, o PSOL com 0,5%, o PDT com 0,3% e o DEM com 0,1%. Apontaram outro partido 2,2% dos entrevistados.

Mais conteúdo sobre:
Dilmaintenção de votoCNT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.