Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Clima no Congresso ficou ruim mesmo com retratação, diz PDT

O líder do PDT no Senado, Jefferson Péres (AM), afirmou hoje que o clima no Congresso Nacional continua muito ruim, mesmo depois da retratação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva , a respeito de suas declarações ontem à noite na CNI . "O presidente deveria ter deixado bem claro que as reformas que ele pretende fazer no País só virão dentro do ordenamento jurídico com o apoio do Congresso e do Judiciário?, disse Péres. ?O entendimento que fica é que ele quer fazer na lei ou na marra as reformas. Doravante espero que ele não precise se desculpar ou explicar por ter falado antes de uma reflexão indispensável para quem ocupa o cargo." As declarações de Lula geraram uma crise no Congresso logo pela manhã. Jefferson Péres, um dos líderes que ficou indignado com o presidente, chegou a afirmar que as relações do Executivo com o Legislativo ficaram tão envenenadas que a consequência poderia ser a rejeição das reformas previdenciária e tributária. "Ele quer baixar um AI-5", questionou Péres , no início da manhã, após uma reunião de líderes do PFL, e do PSDB com os presidentes da Câmara, João Paulo Cunha, e do Senado, José Sarney.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.